Imagem capa - Como escolher o vestido de Noiva? por Gustavo Medeiros
Dicas de Casamento

Como escolher o vestido de Noiva?

Seu casamento está chegando!!! Ufa!! São muitos preparativos, muitas coisas para ver e fazer. Mas tem um detalhe crucial e que é um verdadeiro objeto de desejo para toda noiva: O vestido!

Nessa hora, não dá para errar ou deixar para depois. Para te ajudar nessa tarefa, aqui vão algumas dicas de como escolher o vestido de noiva perfeito para o seu casamento.



Não esqueça do orçamento

Não é uma tarefa muito simples! Mas a primeira dica é estabelecer um orçamento realista de quanto você quer gastar no seu vestido.

Lembre que ele é “uma” despesa dentre muitas que você ainda terá no casamento e não esqueça de incluir os acessórios que muitas vezes chegam a custar tanto quanto o próprio vestido.

Estabelecido o valor, é hora de ser firme. Os vestidos estão cada vez mais lindos e exclusivos e qualquer descuido pode fazer você perder a mão. O céu é o limite quando o assunto gasto com o casamento. Cuidado!!

Entenda o seu corpo e o estilo do seu casamento

Cada noiva tem o seu próprio corpo e estilo. O vestido tem que “cair bem” e ser o mais adequado possível as preferências de cada noiva. Isso, mais uma vez, não é tão fácil como parece! São muitas lojas, vestidos, modelos e sempre vai pintar aquela insegurança.

Experimentar vários vestidos é boa estratégia, e muitas vezes o único jeito de conferir se aquele vestido que você tem em mente é o que vai casar melhor com seu gosto e Estilo. Mas lembre-se, sem exagero!! Sair vestindo tudo por ai, vai tomar muito do seu tempo e energia, e pode te deixar ainda mais confusa. Muita calma nessa hora!

Uma boa dica é levar em conta aqueles tipos de vestidos que você já se sente melhor/pior. Assim: eu odeio tomara que caia! Esse já fica fora do jogo! O casamento pode não ser um bom momento para inovação!

Também é importante levar em consideração o estilo, o local e o horário do seu casamento.

O casamento vai ser de dia, na praia, então um vestido muito pesado e volumoso pode não ser uma boa pedida. Deixe esse modelo para o caso de seu casamento ser à noite, em um local mais formal e urbano.

Em casamentos diurnos, na serra ou na beira da praia talvez seja melhor apostar em um vestido leve e delicado. Já uma cerimônia noturna e mais sofisticada pede por uma peça mais elaborada.



Vou “comprar” meu vestido?

Essa é decisão mais importante a ser tomada quando o assunto é vestido: Vou comprar meu vestido? Posso Alugar? Vou mandar fazer um atelier ou costureira?

Cada uma dessas opções tem vantagens e desvantagens. Vamos ver?

- Vou comprar! Essa opção é prática, pois são muitas lojas dedicadas a vender vestidos de noivas em quase todas as cidades. Além disso, poderei garantir que o vestido vai estar pronto com alguma antecedência para o casamento. Além disso, posso guardar o vestido como recordação ou usar em ensaio após o casório. Por outro lado, costuma ser uma opção cara. Não será um vestido exclusivo, que pode ser comprado por outras noivas. Nem sempre é fácil guardar o vestido.

- Quero alugar! É, sem dúvida, a opção mais barata. Também é uma alternativa muita prática e segura. Mas temos algumas desvantagens: Nem sempre é possível costumizar/ajustar muito a peça, devendo a noiva redobrar os cuidados na escolha do modelo.

- Vou mandar fazer! Essa é alternativa para quem deseja exclusividade e pode pagar por isso. Embora existam profissionais para todos os gostos e bolsos, essa costuma ser, disparada, a alternativa mais “salgada”. Também preciso se programar com maior antecedência pois são necessárias várias provas, ajustes e conferências, e isso pode levar mais tempo.


Não deixe para ultima hora!

Modelo escolhido! Já sei se vou comprar, alugar ou mandar fazer! uma dica chave é não deixar tudo para a véspera do casamento. Muita gente comete esse erro e fica correndo o risco de que algo saia do trilho.

Não existe um prazo mínimo quando assunto é vestido, e cada uma das opções acima pode levar mais ou menos tempo e dedicação. Comece pensar no vestido, pelo menos, 8 a 10 meses antes do casamento.




Chame ajuda!

Na hora de escolher, experimentar e ajustar, vá sempre acompanhada. Tirando noivo, claro, toda ajuda é bem-vida nesse momento. Chame sempre aquela madrinha, amiga ou parente que te conheça e em que você possa confiar!

No mais, aproveite o momento, que é tenso (rsss), mas inesquecível!!